segunda-feira, 20 de março de 2017

Grazi será a principal vilã das 21h


No ar em A Lei do Amor, Grazi Massafera foi escalada para a novela das nove que a Globo estreia em outubro, de autoria de Walcyr Carrasco, o mesmo de Verdades Secretas. Grazi ganhou o papel na semana passada, 15 dias depois que Cauã Reymond desistiu da trama para se dedicar a um filme sobre Dom Pedro 1º. Separados há três anos, os dois não aceitam contracenar juntos.

Treinada pela Globo após participação em Big Brother Brasil, a atriz fará sua primeira vilã no principal horário da emissora. Durante mais de um semestre, terá um dos maiores personagens da TV, em uma produção com grandes atrizes, como Fernanda Montenegro e Gloria Pires. Ela será apaixonada pelo personagem que seria de Reymond, agora a ser defendido por Rafael Cardoso.

Grazi e Reymond foram durante sete anos um casal dos sonhos da televisão brasileira. Eles se separaram em 2014, após rumores de que o galã teria se envolvido com Isis Valverde durante as gravações da minissérie Amores Roubados. Eles têm uma filha e nunca mais apareceram juntos desde a rumorosa separação.

Ainda sem nome definitivo, a novela de Walcyr Carrasco substituirá A Força do Querer, de Glória Perez, que estreia daqui a três semanas. Trará paisagens inéditas para a faixa das 21h da Globo: será ambientada em Palmas e no Jalapão, região de Tocantins conhecida pela mistura de paisagens áridas com dunas e rios de águas cristalinas.

A produção será um melodrama clássico, com personagens urbanos e rurais envolvidos na disputa da posse de uma mina de esmeraldas. A Globo já terminou a fase de pesquisas de locações e já planeja as gravações, que acontecerão no Tocantins e nos estúdios do Rio de Janeiro. A direção-geral será de Mauro Mendonça Filho.

Na trama, a personagem de Grazi Massafera irá rivalizar com a de Bianca Bin, a mocinha, neta de Lima Duarte, dono de um bar de beira de estrada no Jalapão.

Além de Grazi, Bianca, Rafael Cardoso, Fernanda Montenegro, Gloria Pires e Lima Duarte, já estão confirmados na novela Marieta Severo, Sergio Guizé, Juliano Cazarré, Nathalia Thimberg, Thiago Fragoso, Luis Melo, Marcelo Novaes, Juca de Oliveira, Eliane Giardini, Caio Paduan, Arthur Aguiar, Erika Januzza, Eriberto Leão, Flávio Tolezani e Juliana Caldas.

Fonte: Notícias da TV

Globo lança "A Força do Querer"


Na tarde desta terça-feira (14), a Globo reuniu autora, elenco e direção para apresentar à imprensa a sua nova novela, "A Força do Querer", que estreia no dia 3 de abril na faixa das 21h.

Após mostrar a cultura de outros países por 15 anos, Gloria Perez ambienta sua nova história no eixo Pará-Rio de Janeiro, com os costumes da região amazônica e com merchandising social de temas contemporâneos como segurança pública, vício em jogo e identidade de gênero.

A novelista está animada com o novo trabalho: "Estou encantada de trabalhar com essas pessoas. Que seja uma caminhada feliz, como tem sido até agora". Já o diretor Rogério Gomes exalta o trabalho em equipe: "Estamos começando uma novela linda e teremos muita coisa pela frente. Queria agradecer a minha equipe, que trabalha comigo há algum tempo. Sinto grande orgulho e emoção de ter Betty Faria e Othon Bastos nesta novela!".

Uma das protagonistas, Ísis Valverde fala sobre a busca de renovação entre um papel e outro, agora como Ritinha, uma adepta do sereísmo. "Sempre procurei não me repetir. Mudar a voz e os trejeitos. As pessoas são conquistadas pelos detalhes e é isso que eu busco. Estou muito feliz, dou muita risada e me sinto muito livre. Estou muito envolvida", disse em conversa com o site de entretenimento da Globo.



Par romântico de Ísis, Marco Pigossi comemora: "Quando era criança, quis ser tudo, motorista, astronauta... Na nossa profissão, podemos ser um pouco de tudo. Agora sou um caminhoneiro e estou adorando. Fiz uma viagem de uma semana com um caminhoneiro para saber mais como é o dia a dia dessas pessoas que moram na estrada".

Paolla Oliveira também será uma estrela de "A Força do Querer", como Jeiza, uma policial que sonha em ser lutadora de MMA. "Acredito que o feminismo está cada vez mais forte e a Jeiza representa isso. Este momento que falamos de empoderamento dá mais força a Jeiza, embora ela coubesse em qualquer época. A bandeira do feminismo tem que ser levantada todo o dia. E eu faço a minha parte", brada.

Fiuk será Ruy, empresário que disputa o amor de Rita (Isis Valverde) com Zeca (Marco Pigossi), e conta como foi seus preparativos para a novela: "Eu tenho jeito de moleque e estou trabalhando para dar uma cara mais madura pro Ruy. Vivi muitas aventuras nesses seis anos que fiquei longe de novelas. Precisei me redescobrir para poder voltar".



"A Força do Querer" começa no vilarejo de Parazinho. É lá que Zeca e Ruy - ainda crianças - se afogam e são salvos por índio que entrega à dupla uma espécie de amuleto e lhes dá um aviso: a água que os uniu será a mesma que irá separá-los.

Vinte anos depois, o destino trata de cruzar novamente o caminho deles através de Ritinha - uma jovem que acredita ser filha do boto. Noiva de Zeca, a morena tem uma forte ligação com as águas e, sedutora como as sereias, gosta de conquistar e quer a liberdade de seguir seus impulsos. É assim que ela acaba de envolvendo com Ruy, em uma nova passagem do carioca pela região.

"A Força do Querer" substituirá "A Lei do Amor".

Fonte: Na Telinha

Globo renova com família Barbosa até 2020


A Globo acaba de renovar contrato com a família Barbosa – entenda-se Benedito, a filha Edmara e o neto Bruno Luperi. O novo compromisso vai até abril de 2020. Benedito, imediatamente após “Velho Chico”, começou a trabalhar em outro projeto para as 21 horas, ainda sem previsão de estreia.

Benedito, imediatamente após “Velho Chico”, começou a trabalhar em outro projeto para as 21 horas, ainda sem previsão de estreia. Por outro lado, Edmara e o filho, Bruno, também já estão a todo vapor com “Arroz de Palma”, uma história para a faixa das 18h.

Benedito é um dos nossos mais experientes e bem-sucedidos autores de novelas. Começou na Tupi, em 1966, e depois de passagens por outras emissoras e trabalhar como jornalista esportivo, escreveu “Meu Pedacinho de Chão”, na Globo. Saiu, em uma das vezes, para escrever "Os Imigrantes" na Bandeirantes e, em outra oportunidade, acertou de fazer "O Pantanal", na Manchete.

Entre saídas e retornos ao longo de todo esse tempo, está na Globo desde 1971.

Fonte: Flávio Ricco

Bruna Marquezine pede licença na Globo


Emendando um trabalho no outro desde que apareceu na TV pela primeira vez, em 2002, no “Gente inocente”, Bruna Marquezine pediu uma licença na Globo para descansar a imagem e estudar fora do Brasil. A princípio, a direção da emissora acatou o pedido da atriz e ela não volta ao ar durante todo esse ano.

Por esse motivo, a escalação de Bruna para “Amor e morte”, novela das seis que vai ao ar depois de “Novo mundo”, ainda não está definida. O papel principal foi oferecido à atriz, mas ela tem carta branca para decidir o que fazer, já que nunca recusou trabalho e é considerada uma funcionária padrão.

Fonte: Jornal Extra

Autora garante: "O Apocalipse" será superprodução


 "O Rico e Lázaro" acaba de estrear, mas a RecordTV já trabalha em sua novela substituta, "O Apocalipse".

Segundo informações da colunista Patrícia Kogut, a trama será uma superprodução com cenas gravadas em Nova York, Roma e Jerusalém.

Equipes serão enviadas para os Estados Unidos, Itália e Israel, onde rodarão várias cenas de uma vez, para não precisarem voltar. Depois, a direção usará stock shots, imagens adaptáveis que são inseridas durante o enredo.

"O Apocalipse" seguirá no ramo bíblico, porém se passará em um futuro próximo de 20 a 30 anos. Além das viagens, a emissora investirá bastante em efeitos especiais.

A novela está sendo escrita por Vivian de Oliveira, a mesma de "Os Dez Mandamentos", e terá direção de Edson Spinello ("Rei Davi" e "Amor e Intrigas").

A estreia está prevista para o fim deste ano.

Fonte: Na Telinha

'Senhora do Destino': uma novela inesquecível


Lá se vão 13 anos desde que ‘Senhora do Destino’ foi exibida pela primeira vez na Globo. Uma novela que gira em torno da luta de Maria do Carmo (Susana Vieira), uma nordestina forte, mãe de cinco filhos, que venceu na vida com muito suor, e luta para reencontrar Lindalva (Carolina Dieckmann), sua filha caçula, sequestrada ainda bebê. “Acho que foi a novela em que fui mais feliz na minha vida”, declara Susana Vieira, que deu vida à personagem principal na segunda fase da trama. Com Renata Sorrah, que interpretou Nazaré Tedesco, grande vilã da história, sequestradora da menina, Susana protagonizou cenas memoráveis. “Se não fosse a Nazaré, a Maria do Carmo não seria a Maria do Carmo. Eu ficava encantada e dizia: “Meu Deus, eu não teria feito aquela Nazaré do jeito que a Renata fez”, elogia Susana. “Nazaré é uma vilã com humor, todo mundo se divertia com ela. E ela era horrível, péssima, mas isso era adorável”, define Renata Sorrah. Sua personagem era uma prostituta, que se fingiu de enfermeira quando roubou Lindalva da mãe, ainda bebê, para tentar se casar e mudar de vida, já que acreditava que a gravidez seria a única maneira de separar seu amante de sua esposa oficial.

Com Nazaré, Renata Sorrah entrou para a história como uma das maiores vilãs de todos os tempos. Até hoje, suas maldades são lembradas e espalhadas pela internet. Renata acompanha de perto e se diverte com os memes e gifs criados para a personagem, que ganham o mundo junto com a novela, exibida em cerca de 50 países. Um deles, que mostra Nazaré confusa, olhando rapidamente para todos os lados, foi usado até para repercutir um dos debates da disputa presidencial dos Estados Unidos. “É impressionante como até hoje as pessoas me chamam de Nazaré nas ruas. Até adolescentes, que não têm idade para ter assistido à novela, reconhecem em mim a personagem por causa da internet. Hoje a Nazaré não me pertence mais, ela tem vida própria. Faz as loucuras dela e todo mundo gosta, acessa nas redes. É um personagem que me dá muita alegria”, destaca Renata.


A partir de 13 de março, o público pode matar as saudades do sotaque nordestino de Maria do Carmo, das maldades de Nazaré, das palavras inventadas pelo ex-bicheiro Giovanni Improtta (José Wilker), da doce Lindalva/Isabel (Carolina Dieckmann), da forte Maria Claudia (Leandra Leal), enteada de Nazaré e a primeira a descobrir que a madrasta é uma farsa, entre tantos outros personagens dessa trama tão querida.

De autoria de Aguinaldo Silva e com direção geral e de núcleo de Wolf Maya, ‘Senhora do Destino’ é dividida em duas fases. A história começa em 1968, quando Maria do Carmo (Carolina Dieckmann, nessa primeira fase) deixa uma cidade no interior de Pernambuco com seus cinco filhos em busca de uma vida melhor no Rio de Janeiro, onde mora seu irmão Sebastião (Luiz Carlos Vasconcelos). Sem um centavo no bolso, ela chega à cidade em um ônibus clandestino em meio à confusão de 13 de dezembro de 1968, quando foi decretado o Ato Institucional Número 5 pelo Governo militar.

No meio do caos em que se transformou a cidade, Reginaldo (Miguel Rômulo), um de seus filhos, é ferido por uma pedrada. Maria do Carmo consegue se refugiar com as crianças em uma casa abandonada. Nazaré (Adriana Esteves), após uma discussão com o amante Luís Carlos (Tarcísio Filho), também se abriga no local. Ela se passa por uma enfermeira e promete tomar conta das crianças enquanto Maria do Carmo leva Reginaldo ao hospital. Com a bebê Lindalva no colo, Nazaré foge e convence seu amante Luís Carlos Tedesco (Tarcísio Filho) de que a menina é sua filha recém-nascida e o faz registrar Isabel, com seu nome.


Ao perceber que perdeu Lindalva, Maria do Carmo se lança descontrolada no meio de uma manifestação contra a ditadura e acaba presa. Assim, a nordestina é levada para a Ilha das Flores e afastada de todos os filhos. Na cadeia, recebe a ajuda de um estranho: Dirceu de Castro (Gabriel Braga Nunes/José Wilker), jornalista do Diário de Notícias, se impressiona com a história de Maria do Carmo e descobre que ela é irmã de Sebastião, motorista da dona do jornal que trabalha. Horas depois, ao se ver diante do Comandante Saraiva (Werner Schünemann) para interrogatório, Dirceu consegue chamar a atenção do militar para a história da retirante e Maria do Carmo é solta e finalmente localizada pelo irmão. Ao voltar para as ruas, Maria do Carmo consegue encontrar os quatro filhos, que tinham sido encaminhados para o Juizado de Menores, mas não descobre o paradeiro de Lindalva. Ela então jura, diante dos filhos e do irmão, que sua vida será dedicada à tarefa de localizar a filha.

Levada por Sebastião para um sítio que ele comprou na Baixada Fluminense, Maria do Carmo percebe que a região tem várias obras em andamento e aposta que um negócio de venda de material de construção fará sucesso no local. Confiando nessa previsão, ela abre uma tendinha, depois uma loja e, finalmente, uma cadeia delas, dando início assim a uma vida próspera. Muitos anos se passam e Maria do Carmo se torna uma figura ilustre da Baixada Fluminense.

Às custas de muito trabalho, criou os filhos com princípios rígidos e não parou de pensar um só instante em sua filha sequestrada em 1968. Nem se deu ao luxo de pensar que talvez pudesse fracassar em seu intento de reencontrá-la. Reginaldo (Du Moscovis), o filho mais velho e um político de caráter duvidoso, já discutiu muito com a mãe por causa disso. Já Leandro (Leonardo Vieira), Viriato (Marcello Antony) e Plínio (Dado Dolabella) apoiam, com mais ou menos entusiasmo, a obsessão da mãe.


Na vida afetiva, a relação de amizade com Dirceu (José Mayer) se transformou em amor. Os dois estão juntos há muitos anos e mantêm uma relação adulta e tranquila, na qual não existe lugar para suspeitas. Por isso, Dirceu não se sente ameaçado pelo interesse e pelas investidas do apaixonado Giovanni Improtta (José Wilker). Ex-bicheiro, Dr. Giovanni faz de tudo para se tornar um cidadão exemplar e conquistar o coração de Maria do Carmo. Graças aos inestimáveis serviços do seu contador, seus negócios são absolutamente legais apesar da origem nebulosa do dinheiro investido.

‘Senhora do Destino’ tem ainda em seu elenco grandes nomes da dramaturgia como Glória Menezes, Débora Falabella, Letícia Spiller, Ângela Vieira, Maria Luisa Mendonça, Tânia Kalil, Dan Stulbach, e os saudosos Raul Cortez e Yoná Magalhães.

A estreia de ‘Senhora do Destino’ está marcada para o dia 13 de março no ‘Vale a Pena Ver de Novo’. Até o dia 21, a novela divide o horário com as emoções finais de ‘Cheias de Charme’. A partir do dia 22, ‘Senhora do Destino’ passa a ocupar integralmente a faixa.

Fonte: UOL

Atriz fica irreconhecível para nova novela


Bem diferente de sua última personagem em uma novela da Globo, Vivianne Pasmanter surgiu quase irreconhecível em fotos da nova trama das 18h, “Novo Mundo”. Abrindo mão da vaidade, a caracterização da artista é impressionante e inclui muita maquiagem, aplique no cabelo, esmalte nos dentes, prótese dentária e lentes de contato.

Toda a transformação é para viver Germana, que administrará com o marido Licurgo (Guilherme Paiva) a Estalagem dos Portos, uma taberna com uma reputação não muito boa na cidade do Rio de Janeiro no início do século XIX.

Autoritária, preguiçosa e mandona, a dona da estalagem está sempre ligada nas conversas que escuta dos hóspedes e frequentadores do local e, sempre que pode, tira alguma vantagem das informações privilegiadas que consegue.


O novo visual da atriz é bem diferente da poderosa Lili, sua personagem mais recente da TV em “Totalmente Demais”. Confira a transformação de Vivianne Pasmanter para o novo papel!

Ambientada no início do século XIX, entre 1817 e 1822, “Novo Mundo” trará ficção e realidade em uma aventura romântica. Débora Olivieri será Carlota Joaquina, esposa de Dom João VI (Leo Jaime) e mãe de Dom Pedro (Caio Castro), substituindo Giulia Gam, que se afastou por motivos pessoais.

Também estão no elenco Isabelle Drummond, Chay Suede, Rodrigo Simas, Ingrid Guimarães, Felipe Camargo e Agatha Moreira. A estreia da nova novela das 18h está marcada para março.

Fonte: MSN

A nova ‘Malhação’ vai ser revolucionária


A próxima temporada de “Malhação” promete ser revolucionária. Nos mais de 20 anos da novela global no ar nunca antes aconteceram tantas mudanças – para melhor. E problemas, por exemplo, como o episódio horrível de gordofobia e machismo exibido recentemente, devem ser coisa do passado.

Para começar, Cao Hamburguer, 54, o criador de”Castelo Rá-Tim-Bum”, sucesso infantil da década de 1990, é quem assina o texto da nova fase. Foi ideia dele, também, trazer a trama, pela primeira vez, para a cidade de São Paulo, no bairro da Vila Mariana. Além disso, o tradicional casal de protagonistas foi exterminado.

Exatamente: as estrelas da produção serão cinco garotas muito diferentes entre si, algo parecido com a proposta da série extremamente popular “Pretty Little Liars” (sem as mortes, é claro!). “O meu interesse maior é pelo olhar feminino. Acho muito instigante a maneira como elas enxergam o mundo, mas também acho importante sempre, e principalmente no Brasil, a gente defender a igualdade e a força das mulheres”, disse o autor em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo.

Intitulada “Viva a Diferença”, a temporada poderia se chamar “apoie a gangue de garotas do seu bairro”, já que a sororidade será o grande tema do novo ano. Além disso, a pluralidade também será uma preocupação da obra, é só olhar para a trupe multicultural das personagens principais – porque, ainda bem, na “nova Malhação” representatividade importa, sim. E, claro, discussões atuais e importantes como preconceito, racismo e feminismo deverão aparecer no desenrolar da história.

A trama - A história vai acompanhar o início da amizade de adolescentes unidas pelas diferenças delas. Durante uma pane no metrô, uma situação bastante paulistana, diga-se, Lica (Manoela Aliperti), a rica e alternativa, Ellen (Heslaine Vieira), uma hacker da periferia, Tina (Ana Hikari), a artista, e Benê (Daphne Bozaski), a tímida, precisam ajudar Keila (Gabi Medvedovski) que, grávida, entra em trabalho de parto.

O nascimento do bebê vai criar um vínculo eterno entre elas que, olha só, depois descobrem estudar em escolas próximas.

Com direção de Paulo Silvestrini (“A Regra do Jogo”), a nova fase é uma superaposta da Rede Globo para fazer de “Malhação” um produto ainda mais conectado com uma audiência cada vez mais crítica e preocupada com a equidade de direitos. Todo mundo quer se ver representado na TV.

A estreia está prevista para o final de abril.


Logotipo - Com estreia marcada para o mês de maio, "Malhação - Viva a Diferença" teve seu logotipo divulgado nesta sexta-feira (17) através das redes sociais.

Através do Stories, ferramenta do Instagram, a Globo fez uma publicação com a nova marca do folhetim, que praticamente manteve a mesma identidade visual das duas últimas temporadas ("Seu Lugar no Mundo" e "Pro Dia Nascer Feliz"), mudando apenas a a fonte do tema - que agora´e "Viva a Diferença".

 O logotipo tem como fundo a cidade de São Paulo, que é onde a história está sendo ambientada pela primeira vez em seus 22 anos de história. Até então, a ambientação ocorria no Rio de Janeiro ou não era feita associação do folhetim à cidade em que se passava.

A nova temporada de "Malhação" tem em seu elenco nomes como Matheus Abreu, Malu Galli, Marcello Antony, Isabella Scherer , Angelo Antonio, Daniela Galli, Lucio Mauro Filho, dentre outros. O texto é de autoria de Cao Hamburger e a direção de Paulo Silvestrini.

Fonte: MSN

Isabelle Drummond decorou texto errado e mudou o destino


Isabelle Drummond não parou de trabalhar desde que fez a boneca Emília no Sítio do Picapau Amarelo, entre 2001 e 2007. Desde então, foram nove novelas, uma minissérie e um filme. Aos 22 anos, a atriz afirma que não planejou tanto trabalho, mas abraçou as oportunidades que teve depois de um golpe de sorte em sua vida. "Mudei meu destino ao decorar o texto errado", revela.

Ainda criança, Isabelle iria fazer teste para ser a Narizinho, mas se decorou o texto de Emília e se apresentou como candidata ao papel da boneca de pano que vira gente. "Fui bem abençoada com as situações em que caí. São coisas que acontecem de repente e mudam a vida. Se eu tivesse feito a Narizinho, talvez a minha carreira não fosse essa", reflete.

Em Novo Mundo, a nova novela das seis, ela reencontra dois parceiros da época do Sítio do Picapau Amarelo. César Cardadeiro, que fez o Pedrinho entre 2001 e 2004, e Dhu Moraes, a Tia Nastácia. Ele será Hugo, um personagem que entrará mais para a frente. Já Dhu interpretará Idalina, uma escrava que sabe muito segredos.


"Perdi o contato com o César. Coisas da vida. Trabalhamos uns dois ou três anos juntos, mas ali era uma família, todo mundo se ama até hoje, tenho certeza. São pessoas muito queridas. Vai ser bom voltar a conviver com ele e a Dhu", diz.


Mocinha com sotaque - Na trama que estreia na próxima quarta (22), Isabelle será a mocinha Anna. Professora de português da princesa Leopoldina (Letícia Colin), ela embarcará ao Brasil. No navio, se apaixonará por Joaquim (Chay Suede).

Depois, ela sofrerá muito ao achar que ele morreu assim que chegou ao Novo Mundo. Desde o primeiro capítulo, Anna se tornará alvo do vilão Thomas (Gabriel Braga Nunes). Após uma passagem de quatro anos, a personagem já surgirá noiva do mau-caráter.

"Ela tem um olhar muito especial de ver o mundo, então ela acaba reproduzindo isso em aquarelas, escrevendo. Anna é muito diferente das mulheres da época, que costumavam só costurar e ler. Ela é questionadora, é corajosa, gosta de transformar as situações. É muito interessante fazer uma mulher assim", conta.

Apesar de ser professora de português da princesa, Anna é inglesa e carregará o drama de buscar saber o que aconteceu com seu pai, que desapareceu misteriosamente em uma expedição no Brasil. "O sotaque dela é britânico, mas ela fala português também porque a babá dela era portuguesa, então acaba que ela mistura isso. É diferente", explica a atriz.

Fonte: Notícias da TV

TV Brasil tem audiência recorde com desfile das campeãs


A audiência da TV Brasil registrou o maior pico desde 2002 com a transmissão, no sábado (dia 4), do desfile das escolas de samba campeãs do Rio de Janeiro. Durante o desfile da Portela, por volta das 5h da manhã, a emissora registrou share de 15,83%. E durante a madrugada, entre às 2h e às 6h da manhã, a TV Brasil teve uma média de 9,98%, ficando em segundo lugar _ atrás penas da TV Globo. Os números são do Kantar Ibope Media.

O desfile das campeãs foi apresentado pela jornalista Luciana Barreto e o radialista Tiago Alves. Durante a transmissão, especialistas em carnaval falaram sobre a performance das seis escolas que voltaram à Passarela do Samba.

Além disso, a transmissão do desfile pela TV  Brasil esteve entre os assuntos mais populares e a hashtag #PaísdoCarnaval entrou para o ranking do twitter: alcançou o primeiro lugar nos trend topics Brasil e a terceira posição nos trend topics do mundo.

Fonte: Fábio TV

Tom Cavalcante perto de ser ‘perdoado’ pela Globo


Está prestes a cair de uma vez por todas um dos vetos mais longevos da televisão brasileira. Banido da Globo durante 11 anos, o humorista Tom Cavalcante está prestes a assinar um novo contrato com a emissora. Passará a ser artista do elenco fixo 13 anos após romper contrato, em 2004, e migrar para a Record, de onde saiu em 2011 para um período sabático.

Será o perdão final de uma "traição" imperdoável cometida em uma época em que a Globo lutava para manter a hegemonia e a Record despontava como uma ameaça séria.

Apadrinhado por Fausto Silva, Cavalcante negocia com a Globo um acordo de exclusividade em TV aberta para se apresentar no palco do Domingão do Faustão duas vezes por mês. Fará imitações de celebridades e interpretará seus personagens mais conhecidos, como o João Canabrava de A Escolinha do Professor Raimundo e Zorra Total e o Ribamar de Sai de Baixo.

A Globo começou a perdoar Tom Cavalcante há quase três anos. Em setembro de 2014, o humorista assinou como canal Multishow, do Grupo Globo, para fazer a sitcom #PartiuShopping.

Em 21 de junho de 2015, simultaneamente à estreia no Multishow, o humorista pisou nos Estúdios Globo pela primeira vez em 11 anos, com uma apresentação no Domingão do Faustão. Foi o resultado de mais de três anos de negociações incansáveis de Fausto Silva e, em alguns momentos, de Roberto Carlos.

Ainda em 2015, Cavalcante voltou mais algumas vezes ao Domingão do Faustão e participou do extinto Tomara que Caia. E foi só.

Os defensores de Cavalcante na Globo esperavam que ele explodisse no Multishow, o que não aconteceu. O projeto #PartiuShopping naufragou. A ideia era que o sucesso na TV paga o alçasse a um programa solo na maior rede do país.

No ano passado, o humorista tentou novamente no canal pago e, dessa vez, acertou, com o programa Multi Tom. Atualmente, grava a terceira temporada da atração, com estreia prevista para 15 de maio.

Além do primeiro contrato desde os anos 2000, o retorno de Tom Cavalcante ao Domingão do Faustão neste ano representará o relançamento de sua carreira na Globo. E uma nova tentativa de emplacar um projeto solo na emissora.

Fonte: Notícias da TV

Globo define data do "Criança Esperança 2017"


 A Globo já começou a se preparar para mais uma edição do "Criança Esperança", que teve seu show definido para o dia 19 de agosto.

Desta vez, segundo noticiou a jornalista Patrícia Kogut, haverá duas edições do "Diálogos da Esperança" na GloboNews.

Os mesões com os artistas vão continuar. Dentro da Globo, diretores entendem que este novo modelo, dirigido por Rafael Dragaud e lançado em 2015, é o caminho certo a ser seguido.

No ano passado, o "Criança Esperança" foi realizado em julho e alcançou mais de R$ 16 milhões em arrecadação. A emissora ainda não anunciou qual será a meta deste ano.

Em 32 anos, mais de cinco mil projetos já foram beneficiados. A doação dos telespectadores é depositada diretamente na conta da Unesco e não tem dedução fiscal.

Fonte: Na Telinha

Felipe Andreoli comandará o "Esporte Espetacular"


Depois de seis meses, o "Esporte Espetacular" enfrentará uma nova troca na sua apresentação.

Sai Flávio Canto e entra Felipe Andreoli, dividindo o comando do esportivo dominical com Fernanda Gentil, que continua.

A novidade começa no dia 26 de março.

O ex-judoca passará a se dedicar a reportagens especiais e entrevistas, além de estar à frente do "Projeto Tóquio", que acompanha 10 atletas até os Jogos Olímpicos de 2020, e ainda comandará um reality sobre a luta pela vida por meio do judô.

Canto e Gentil havim assumido a atração em setembro do ano passado, no lugar de Alex Escobar e Glenda Kozlowski.

A nova mudança acontece logo depois de Afonso Garschagen ("Globo Esporte Rede") assumir como editor-chefe do "EE", no lugar de Rosane Araújo, que vai para a área de eventos e coordenação de projetos especiais do esporte da Globo.


Felipe fala animado sobre o novo desafio: "Chego para colaborar com toda minha motivação e coração. Não só para apresentar o programa, mas para dar ideias, criar, estar ao lado de tudo o que o Esporte da Globo fizer nos próximos anos".

Gentil o receberá de braços abertos. "Vai ser um prazer estar com o Andreoli nas manhãs de domingo. Ele tem a cara do ‘Esporte Espetacular’, gosta de esportes e é sorridente, mas a responsabilidade é enorme porque substituir um faixa-preta não é pra qualquer um”, brinca.

Andreoli está na Globo desde o início de 2015, após deixar o "CQC", da Band. Ele é muito ligado ao esporte, e na própria emissora chegou a apresentar o "Deu Olé", que acabou cancelado após um ano no ar.

Na rede carioca, cobriu folgas e férias de Fátima Bernardes no "Encontro". Também atuou no SporTV, como membro fixo do "Extra Ordinários".

Felipe é filho do também jornalista Luiz Andreoli, que trabalhou na década de 80 na Globo, inclusive apresentando o "Globo Esporte SP" e o "Esporte Espetacular".

Fonte: Na Telinha

Joelma e Ximbinha não decolam em carreira solo


Joelma tem sido vista em vários programas de televisão, seu nome continua em evidência depois da separação, mas fazer show que é bom... O fato é que a carreira solo da cantora definitivamente não decolou, e ela tem feito uma média de apenas três apresentações por mês.

A agenda praticamente vazia fez com que seu empresário Pedro Mota abandonasse a função de vender seus shows — agora ele cuida só da parte artística — e repassassou a missão para a empresa A3, de Fortaleza. “É mais fácil emplacar Joelma em festivais com outros artistas do que em shows únicos. Ela ainda faz sucesso na mídia, tem muitos fãs pelo Brasil, mas não vende ingresso”, entrega uma fonte.

Na época do auge da Calypso, Joelma e Ximbinha, seu ex-marido, chegavam a cobrar de R$ 300 mil a R$ 500 mil de cachê. Atualmente, a cantora vale muito menos do que a metade. O valor de sua apresentação no mercado nacional em crise é de R$ 80 mil. Joelma ainda tem tido dificuldade de manter seus funcionários, como músicos e bailarinos, por conta da baixa procura.


Ximbinha não paga prensa de DVD - Não é apenas a carreira de Joelma que vem enfrentando problemas no mercado nacional. A de Ximbinha, com x há um ano, dizem algumas línguas, acabou! Pois é, o ex de Joelma até chegou a gravar um DVD intimista em outubro de 2016, em Belém, onde mora. Passados cinco meses, no entanto, o trabalho sequer chegou às lojas. E ninguém sabe dizer por quê.

Mas o EXTRA descobriu que por motivos de calote o público do artista não terá tão cedo acesso ao disquinho. Ximbinha não pagou a empresa que deveria prensar os DVDs. Além disso, a agenda de shows do guitarrista é quase inexistente. De acordo com uma fonte da coluna, não há nem pedidos de datas para que Ximbinha se apresente. Puxado.

Fonte: Jornal Extra

Ex-BBB assume vício em sexo


Sexo parece ser um assunto muito importante para Luiz Felipe, ex-confinado na edição deste ano do BBB. O rapaz revelou, em entrevista ao EGO, que buscou a evolução sexual para satisfazer 100% as mulheres na cama.

"Com o tempo, vi que era importante garantir o prazer dela antes do meu. Não abro mão de saber fazer um bom sexo oral até ela atingir o orgasmo. Gosto quando também é bem feito em mim. É fundamental", disse.

Sexo não é só importante, como um vício, segundo o próprio Luiz. "Se deixar, transo todos os dias. Sou ninfomaníaco, só paro quando ela pede. Gosto de fazer sexo pelo menos três vezes ao dia. Por isso que namorar é tão bom. Nunca fui só de ficar", comentou.

Dentre os fetiches ainda não saciados, um clássico: transar com duas mulheres. "Nunca aconteceu, mas é o sonho de todo homem", segundo ele.

Porém, o rapaz tem no currículo algumas aventuras, como não saber com quantas mulheres já teve relações sexuais e ter feito sexo em um lugar inusitado: "Meu pai tinha uma lancha e fui com uma namorada para o meio de uma lagoa, onde toda a cidade costuma tomar sol na areia. O tesão foi tão forte que entramos na água e rolou ali mesmo. Só precisamos nos controlar nos movimentos e sons para as pessoas não verem, inclusive meus pais, que estavam na areia", confessa.

Entretanto, nem tudo é amor na vida do ex-BBB. Luiz Felipe já foi acusado de agredir uma ex-namorada: "Me arrependo muito de ter puxado parte do braço dela e do cabelo, que veio junto. Estávamos em um show e não gostei quando a vi falando com um outro cara. Fiquei descontrolado porque sou ciumento. Ela acabou jogando uma garrafinha de plástico com água na minha cabeça. Depois ficou tudo certo entre nós porque ela sabe que não tive a intenção de machucá-la", finaliza.

Fonte: MSN

Casamento de Bruno Chateaubriand e André Ramos chega ao fim


Bruno Chateaubriand usou seu Instagram nesta quinta-feira (16) para revelar o fim do seu relacionamento de 18 anos com André Ramos.

"Foram 18 anos e três meses de história em comum. Fomos cúmplices, amigos, namorados, apaixonados. Vivemos intensamente e fomos muito felizes. Tivemos dias de chuva e sol como todos que decidem, um dia, ter uma vida a dois. A partir de hoje, em uma decisão pensada pelos dois, terminamos um capítulo das nossas vidas. Vamos continuar com as memórias de tudo de inesquecível que juntos construímos. É inabalável a nossa parceria de vida", escreveu o empresário em longo desabafo.

"Temos a certeza de que sempre estaremos estendendo a mão um ao outro. Somos uma família. Aos nossos amigos agradecemos o carinho que estamos recebendo e pedimos, também, que nos protejam de especuladores e curiosos. Permanecemos com a certeza de que essa família, que formamos com os nossos amigos, permanecerá intacta", finalizou.

 André Ramos também usou seu perfil do Instagram para falar sobre o fim do relacionamento com Bruno Chateaubriand:

"Sempre vou zelar pelo seu sono. A vida sempre foi muito generosa comigo, fui muito desejado pela minha mãe, vivi cercado do amor dos meus pais e avó, iluminei a vida deles como eles a minha, minha pequena família se estendeu ao Bruno quando com 22 anos nos conhecemos nos apaixonamos e nos tornamos parceiros e com a coragem que a pouca idade permitia enfrentamos o mundo. Valeu cada minuto cada dia, ao lado dele me despedi da minha avó e da minha mãe, agora chegou a hora de me despedir deste capítulo da minha vida. Se tivesse que escolher mil vezes mil vezes escolheria ter vivido esses 18 anos ao lado dele, não existe o certo ou o errado, o melhor ou pior, existe amor, e, neste momento, temos que com muito amor preserva nosso futuro", escreveu André.

 Fãs comentam fim do longo relacionamento

Os fãs e seguidores de Bruno deixaram dezenas de mensagens de solidariedade. "Pra sempre, assim com nunca, é muito tempo. Que fique as boas lembranças e a amizade. Seja feliz sempre!! Vc é um ser iluminado, nunca lhe faltará motivos para sorrir e ser feliz", escreveu uma internauta. "Vida Longa ao respeito, e a amizade. Sejam Felizes você e André", comentou outra seguidora.

Veja mais comentários:

- Desejo a vocês felicidades nessa nova caminhada, que Deus abençoe sempre.O mais importante é o amor;

- Triste a notícia! Mas só vcs têm o direito de decidir o q é bom p ambos! Desejo felicidade ao caminho q trilharem.

- Muito bonito! A amizade deve prevalecer depois de uma vida juntos. Torço pela felicidade de vcs. O coração vai falar mais alto!;

- Vocês são incríveis.

Bruno Chateaubriand é um empresário, jornalista e ex-esportista brasileiro. Formado em jornalismo pela PUC do Rio de Janeiro, e defensor dos direitos LGBT. Membro da tradicional família do magnata brasileiro Assis Chateaubriand (primo de sua avó materna), quando criança procurou esconder sua orientação sexual, que veio mais tarde a assumir. Apesar da origem em classe média-alta, sofreu muito preconceito na infância e juventude, negando sua orientação e mantendo relacionamentos heterossexuais; na faculdade, contudo, aceitou-se e enfrentou a forte rejeição familiar, revelou que o fato de seu parceiro ser rico facilitou a aceitação. Ele critica eventos como as paradas gay, que apresentam homossexuais como seres "exibicionistas, caricatos e que parecem viver sempre em clima de boate". Viveu desde 1998 uma união estável com seu companheiro André Ramos. O casal foi um dos primeiros de projeção nacional a assumir publicamente um "casamento" homossexual.

Fonte: Na Telinha

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Cauã Reymond deixa novela das 21h


Cauã Reymond, nome disputadíssimo na Globo, pediu para não fazer a próxima novela de Walcyr Carrasco, substituta de “A Força do Querer” na faixa das 21h e com estreia prevista para outubro. Pediu e foi atendido, confirma a emissora.

Como justificativa para não integrar o elenco, Cauã alegou ter realizado vários trabalhos seguidos na casa, e, principalmente, o compromisso já assumido com novas produções para o cinema.

Trata-se de um desfalque importante, é verdade, por se tratar de um protagonista, e por ainda não existir ninguém fechado para o seu lugar. A Teledramaturgia pretende escolher este novo nome nos próximos dias.

O projeto que levou Cauã a recusar a novela do Walcyr é sobre a vida de Dom Pedro I, que ele irá protagonizar e também produzir, com direção de Laís Bodanzki. As locações serão no Brasil e na Europa.

Fonte: Flávio Ricco

Cauã fará novela de Aguinaldo Silva


A decisão de Cauã Reymond em não aceitar integrar o elenco da próxima novela de Walcyr Carrasco na Globo, alegando trabalhos muito seguidos e também por causa de um compromisso no cinema, acabou criando um tremendo mal-estar na Globo.

Principalmente, porque agora já se confirma a sua escalação em “O Sétimo Guardião”, de Aguinaldo Silva, que entrará depois do Walcyr, em maio de 2018. A disputa pelo seu passe é sempre muito grande.

Liberado do antigo compromisso, ele será o protagonista de “O Sétimo Guardião” e fará par romântico com Marina Ruy Barbosa.

Ainda inconformado por ter perdido Cauã, de acordo com informações que circulam no Projac, Walcyr resolveu tomar satisfações com o alto comando da Teledramaturgia. Dois executivos da casa precisaram entrar em cena para apagar o incêndio.

Como se sabe, Walcyr e Aguinaldo nunca morreram de amores, um pelo outro, e este episódio só acaba colocando mais lenha na fogueira.

Aguinaldo, pelo menos no caso em questão, não teve nenhuma participação direta no ocorrido.

Curioso é que isso também vai mexer com a escalação de Chay Suede em “O Sétimo Guardião”. Inicialmente, ele seria o par romântico da Marina Ruy Barbosa. Agora, deverá fazer um bad boy e agitar um triângulo amoroso.

Fonte: Flávio Ricco

Rafael Cardoso vai substituir Cauã em novela das 21h


Vilão de Sol Nascente, o ator Rafael Cardoso terá pouco tempo para descansar após o término da trama das seis, daqui a um mês. Ele foi escolhido pela Globo para ser o protagonista da novela das nove que Walcyr Carrasco escreve para estrear em outubro. Ficou com o personagem que seria de Cauã Reymond, que irá se dedicar ao filme Pedro, sobre dom Pedro I, do qual será coprodutor.

Será o primeiro protagonista de Cardoso em uma novela das nove. Ele dará vida a um médico psiquiatra que disputará o amor da personagem de Bianca Bin com o vilão de Sérgio Guizé.

O ator de 31 anos estreou como protagonista na Globo em 2011, em A Vida da Gente, novela das seis. Em 2014, teve papel importante em Império, o que o credenciou para voltar a liderar o elenco de uma novela, de novo às 18h: Além do Tempo (2015). Em Sol Nascente, interpreta um psicopata que é manipulado pela avó (Lauro Cardoso) em um plano de vingança contra a família da mocinha de Giovanna Antonelli.

Além de Rafael Cardoso, Bianca Bin e Sérgio Guizé, a trama de Walcyr Carrasco já tem reservados Marieta Severo, Gloria Pires, Fernanda Montenegro, Bruna Marquezine, Eliane Giardini, Lima Duarte, Fabíola Nascimento, Nathalia Timberg, Juca de Oliveira, Arthur Aguiar e Thiago Fragoso. Marieta Severo será mãe de uma anã que se relaciona com um rapaz de estatura normal.

Fonte: Notícias da TV

Globo define reestreia de "Senhora do Destino"


A Globo já bateu o martelo e definiu a data de retorno de "Senhora do Destino" à sua programação.

A novela de Aguinaldo Silva, que é um dos maiores sucessos dos últimos 20 anos, teve seu regresso marcado para o dia 13 de março.

Procurada pelo NaTelinha, a Central Globo de Comunicação confirma a informação.

A trama substituirá "Cheias de Charme" após uma trajetória bem-sucedida tanto em 2012, quando inédita, como agora em sua reexibição no "Vale a Pena Ver de Novo".

 "Senhora do Destino" e "Cheias de Charme" dividirão horário durante a primeira semana. Logo após, a história de Maria do Carmo (Susana Vieira) segue como trama única da sessão.

Essa será a terceira vez que "Senhora do Destino" irá ao ar. Além da exibição original de 2004, a trama foi repetida em 2009.

Fonte: Na Telinha

Globo contrata diretor de Hollywood para "Novo Mundo"


A Globo contratou um reforço considerado de peso para a sua próxima novela das seis, "Novo Mundo".

Trata-se de Andy Armstrong, diretor de cenas de ação de Hollywood.

Diretor geral da trama, Vinícius Coimbra comentou, animado: “Vocês vão ver imagens que nunca produzimos antes. Nada parecido. É um projeto inédito da Globo, com uma nau (embarcação) de 25 metros construída. O cara tem 30 anos de experiência nisso. Ele ficou impressionado e disse que nem em ‘Piratas do Caribe’ o cenário era tão grandioso”. Com informações do jornal Extra.

"Novo Mundo" se passará no século XIX, contando com personagens como a princesa Leopoldina (Letícia Colin), Dom Pedro I (Caio Castro) e piratas.

No elenco, também estão nomes como Chay Suede, Isabelle Drummond, Gabriel Braga Nunes, Ingrid Guimarães, Giullia Buscacio, Marcia Cabrita, Sheron Menezzes, Rodrigo Simas, Agatha Moreira e Guilherme Piva, entre outros.

De autoria dos estreantes Thereza Falcão (colaboradora de "A Regra do Jogo" e "Avenida Brasil") e Alessandro Marson (colaborador de "Joia Rara" e "Desejo Proibido"), "Novo Mundo" estreia no dia 22 de março, uma quarta-feira.

Fonte: Na Telinha

Nova "Malhação" começa a ser gravada em março


A Globo começar a gravar em março a nova temporada de "Malhação", "Viva as Diferenças", em São Paulo.

Será a primeira vez que a novelinha se passa na capital paulista.

Segundo informações do jornal Extra, é lá que a história de amizade de cinco meninas começa a partir de uma experiência marcante.

O metrô dá uma pane e Lica (Manoela Aliperti), Ellen (Heslaine Vieira), Tina (Ana Hikari), Benê (Daphne Bozaski) e Keila (Gabi Medvedovski) se veem presas no mesmo vagão, quando Keila entra em trabalho de parto.

Sem outra alternativa, as outras garotas se unem para ajudá-la. Assim, com o nascimento de uma criança, o vínculo entre elas é marcado.

As cinco protagonistas possuem estilos e personalidades diferentes: uma riquinha alternativa, uma hacker da periferia, uma rebelde e artista sansei, uma tímida e solitária e, por fim, a mãe adolescente.

Escrita por Cao Hamburger, "Malhação - Viva as Diferenças" estreia em abril na Globo.

Fonte: Na Telinha

Record reprisará "Os Dez Mandamentos" às 18h


Maior sucesso da teledramaturgia da Record, Os Dez Mandamentos será reprisada em 2017, apenas dois anos após sua primeira exibição. A emissora escalou a produção bíblica para inaugurar um novo horário de novelas, o das 18h. A ideia é aumentar as receitas publicitárias e brigar no Ibope com as tramas das seis da Globo.

Por questões estratégicas, executivos da Record ainda não revelam quando será a reestreia de Os Dez Mandamentos, mas o mais provável é que ocorra em meados de março, quando a Globo encerra uma novela das seis, Sol Nascente, e estreia outra, Mundo Novo. Pela primeira vez em 40 anos, a Globo exibirá o primeiro capítulo de uma novela das 18h numa quarta-feira, em 22 de março.

Com Os Dez Mandamentos, a Record acredita que terá um produto forte para concorrer com novelas das seis inéditas. A produção estrelada por Guilherme Winter, Sérgio Marone e Camila Rodrigues teve 15,4 pontos de média no Ibope nacional. Embora os números sejam inferiores, foi o maior sucesso fora da Globo desde Pantanal, na Manchete, em 1990. Em novembro de 2015, no auge, seis capítulos derrotaram a Globo. Chegou a marcar 36 pontos no Ibope em Belém e 28 em São Paulo.

O plano dos executivos da Record é fixar um novo horário de telenovelas. Ainda não está decidido se a faixa terá tramas inéditas ou se será dedicadas a reprises de produções bíblicas. Tudo vai depender de Os Dez Mandamentos.

Com a saga do povo hebreu liderado por Moisés, a Record irá reduzir ainda mais o espaço do Cidade Alerta. O programa policial, que já teve mais de quatro horas, perdeu seu melhor horário, no ano passado, para Escrava Mãe, substituída pela reprise de Escrava Isaura, atualmente no ar.

Em breve, o telejornal de Marcelo Rezende passará a durar menos de duas horas. No ar a partir das 16h45, será interrompido por volta das 18h15 e voltará às 19h, com apenas 40 minutos. Essa segunda parte será para as edições locais, nas cidades em que há produção própria.

A motivação é também comercial. Novelas tendem a faturar muito mais do que telejornais policiais. O Cidade Alerta tem apenas três intervalos em duas horas e meia. Uma novela faz isso em uma hora.

Fonte: Notícias da TV